Resolvi tratar minha Fobia Social e tentar ser livre novamente.

Tratar Fobia Social em São Paulo

Pergunta:

Após 3 anos buscando melhora para meu quadro de fobia social através de meios alternativos (medicamentos fitoterápicos meditação, esportes e etc...) não obtive muito êxito!

Iniciei há pouco tempo por indicação de um psiquiatra um tratamento com o ESC. Considerando que não me sinto deprimida e sim muito nervosa e tensa com excessivos tremores nas mãos, gostaria de saber se o ESC é o indicado neste caso. Muito obrigada.

Resposta:

Realmente, não se conhece nenhum tratamento “natural” que seja eficaz em Fobia Social.

Sua pergunta é boa: se você não se sente depressiva, porque tomar Esc (Escitalopram, Reconter, Lexapro) que é um Antidepressivo?

Porque os antidepressivos são muito eficazes no tratamento de Fobia Social, principalmente quando associados a uma psicoterapia específica.

 

Pergunta: 

Ontem resolvi retomar minha vontade de tratar minha Fobia Social e tentar ser livre novamente.

Frustrada com tentativas anteriores, incluindo Terapia Comportamental, Análise, dois tipos de Hipnose com profissionais distintos (e ambos psiquiatras) e Neurolinguística, resolvi seguir mais uma indicação e fui parar em uma médica em que confio e que me sugeriu um trabalho de Regressão, juntamente com 20 mg diárias de Fluoxetina.

Acredito que este trabalho tenha a duração de três sessões, aproximadamente.

Qual seu prognóstico?

Minhas fobias: falar ou me expor em público, ir a lugares onde não existam banheiros por perto, viajar para perto ou longe, ir dirigindo, a lugares que não conheço bem o caminho, aglomeração de pessoas com muito barulho, etc, etc, etc.

Resposta:

Meu prognóstico é que você vai ficar boa. Provavelmente com o Prozac ou com outro medicamento. 

Quanto à regressão, tenho minhas dúvidas que ele seja necessária e ou eficaz.

 

Pergunta:

Doutores, fui a um Psiquiatra há 3 semanas e foi diagnosticado que eu sou portador da doença Fobia Social.

De princípio eu assustei um pouco com essa notícia, mas fui pensando e lendo artigos e algumas informações desse site que por sinal é muito bom cheguei à conclusão que realmente eu sofro com essa doença.

Porém o médico que eu consultei me indicou um remédio que se chama Topamax (Topiramato 50 mg/dia) e infelizmente me deixou muito mal, tomei ele por uma semana e tive que interromper o uso porque quase todas reações adversas estavam acontecendo comigo.

Voltei no médico e ele me sugeriu que continuasse mesmo sabendo que eu estava tão mal, mas gostaria de saber dos conhecimentos de vocês se esse medicamento é eficaz contra minha doença? Ficarei muito agradecido com a resposta, obrigado!

Resposta:

Desconheço a indicação de Topamax para Fobia Social.

Pergunta:

Bom dia, fico feliz de saber que existe profissionais capazes de tratar desta doença. Pergunta: Daforin 10mg - Fluoxetina dá resultado para o tratamento da Fobia Social?

Desculpe fazer esta pergunta é que eu estou sendo tratado só com essa medicação e não sinto nenhum efeito da medicação pelo menos de imediato. Sou estudante de direito e minha vida profissional e social está estagnada. Tenho que assistir audiências e fazer relatório e não consigo. Sei que preciso de uma medicação para que eu não entre em Pânico em dadas situações.

Resposta:

Sim, Fluoxetina (Prozac, Verotina, Daforin, Eufor, etc.) pode ser uma boa opção, mas em conjunto com uma Terapia específica, a Terapia Cognitivo Comportamental.

 

Pergunta:

Estive a ler o seu artigo e identifiquei-me com alguns sintomas que me preocupam. Por um lado fico imensamente vermelha quando falo em público e sempre porque me sinto observada, começo a ficar nervosa e embora não evite essas situações fico sempre com um mal estar muito grande e sinto que me prejudica muito no meu trabalho.

Por outro lado sou uma pessoa muito sociável que adora conviver e conhecer novas pessoas, aliás adoro trabalhar com pessoas, gerir equipas. É o que faço e isso não me assusta. Normalmente a apresentação num grupo de chefias é que me deixa sempre muito ansiosa, talvez por me sentir avaliada, ou quando sinto que por algum motivo as atenções estão sobre mim. A minha questão é a seguinte, não me parece que tenha Fobia Social, nem me parece que seja tímida a esse ponto, como será que posso resolver o meu problema? Um Psicólogo ajudaria?

Resposta:

Olá Eliana, segundo seu relato parece que você tem sim um grau de Fobia Social, mas que não é incapacitante, tanto que não impede que trabalhe com pessoas e goste disso. Acredito que você se beneficiaria muito de uma Psicoterapia para se livrar da vermelhidão quando fala em público, o mal-estar e desconforto nessas situações e ansiedade diante de autoridade. Procure ajuda! Esses traços não são da sua personalidade ou seu jeito de ser, e você certamente desempenhará muito melhor o seu trabalho e principalmente de forma mais leve.

 

Pergunta:

Boa tarde Dr. Rubens Pitliuk, fiquei surpresa de ver tantos depoimentos com os mesmos sintomas de Fobia Social que possuo, não imaginava que era tão comum.

Me identifiquei com alguns dos sintomas, mas o meu principal problema é o de falar em público eu até consigo falar mas fico com muita vergonha e fico muito vermelha, quanto aos outros sintomas não tenho.

Pois tenho muitos amigos e frequento todos os lugares e tenho um noivo que amo muito. Mas a minha preocupação com o TCC, esse ano me formo e já estou sofrendo só de pensar na apresentação que vou ficar toda vermelha. Conversei com uma Psicóloga e ela falou para eu tomar Propranolol. Gostaria de saber sobre esse medicamento?

Resposta:

Propranolol é um Betabloqueador e pode ser usado em Fobia Social sim, mas com orientação médica mesmo que ele seja vendido sem receita, porque ele pode diminuir a pressão, o batimento cardíaco e a longo prazo pode provocar hipotireoidismo. Além de ser contra indicado em quem sofre de asma.