Tomar analgésicos todos os dias pode ser causa das dores de cabeça.

Tratamento de Enxaqueca em São Paulo

Pergunta:

Olá, tenho enxaqueca crônica do tipo mais sofrido há 40 anos e de 2011 para cá embolizei três aneurismas e tive outras doenças, como por exemplo, tuberculose e derrame pleural. Sou uma ansiosa, já medicamentada com Antidepressivos.

O fato é que estou percebendo algumas crises de pânico e gostaria de fazer um tratamento eficaz, pois tenho medo de enlouquecer.

Gostaria de saber se a equipe trabalha no Rio de Janeiro e se trabalha com alguma alternativa para baixa renda.

Tenho dificuldades financeiras, assalariada, mas muita necessidade de conseguir uma qualidade de vida até para trabalhar, pois sou professora, impedida de exercer a profissão, por falta de saúde. Obrigada. Tenho 49 anos e amei o site.

Resposta:

Infelizmente não temos equipe no Rio de Janeiro. Daqui a alguns meses reabriremos a parte do site com Indicador Profissional pelo Brasil.

Existem muitos Postos do SUS com CAPS, onde os pacientes podem contar com Psiquiatras e Psicólogos. No Rio de Janeiro também existem ambulatórios de primeira linha nas Universidades Federal, Estadual e Particulares de Medicina, de modo que não deve ser difícil para você ter um bom atendimento.

 

Pergunta:

Dr., tenho dores de cabeça muito forte há mais de 3 anos, todos os dias sem exceção. Tomo analgésico todos os dias, às vezes tomo 2 ou 3 por dia. As dores são na parte da frente da testa e na nuca.

Quando eu acordo de manhã e levanto da cama já começa a doer a cabeça e se eu deitar novamente a dor passa, ou seja, deitado eu não tenho dor de cabeça, é só eu levantar que já começa a doer. Já fiz vários tratamentos, como por exemplo, tratamento de Enxaqueca, Cefaleia Tensional, etc.

Já fiz Ressonância Magnética, Tomografia, Eletroencefalograma e outros e nada foi constatado.

Gostaria de uma opinião, ou um ajuda do senhor para que eu possa me curar desse terrível mal.

Resposta:

Tomar analgésicos todos os dias pode ser a causa das suas dores de cabeça. Procure um especialista em cefaleia para que ela possa orientá-la no tratamento preventivo.