Não tenho mais nenhuma autoestima, para mim eu sou o lixo do mundo.

Tratar Distimia em São Paulo

Depoimento:

Meu pai era muito negativo, pessimista e creio que depressivo. Eu desde jovem também sempre fui assim, sempre minha autoestima foi muito baixa.

Com o passar dos anos, isso foi cada vez se agravando mais, eu nunca aceitei procurar ajuda, pois não queria tomar remédios que criassem dependência e achava que eu deveria resolver meus próprios problemas.

Hoje estou com 49 anos e no fundo do poço, se é que ele tem fundo, não consigo fazer nada, por mim não levantava mais pela manhã, levanto porque preciso, não tenho mais nenhuma autoestima, para mim eu sou o lixo do mundo, somente não me suicidei ainda porque sou muito covarde até para isso, não tenho coragem de me matar, porque senão já o teria feito.

Tudo que faço absolutamente tudo dá errado. Sou totalmente inseguro com tudo, nunca sei o que fazer em qualquer situação.

Não suporto falar com as pessoas, evito até falar com meus familiares, tudo me irrita, qualquer coisa que de errado para mim é o fim do mundo, tudo para mim é muito difícil, por causa desta Distmia.