Tratar Compulsão de Compras com Psiquiatra do Einstein

Pergunta:

Gasto compulsivamente e sei que não tenho dinheiro, mas mesmo assim compro sem parar, gasto sem controle, o que isso pode ser? Dizem que é sacanagem minha, falta de responsabilidade. O que devo fazer?

A coisa ficou sem controle a ponto de nenhuma grana para na minha mão, tudo que entra sai como relâmpago, tão rápido que quando vejo, já foi e não tem volta.

Tive um problema sério no banco, por causa disso: estourei o Cheque Especial, peguei emprestado, gastei sem parar, só não me afundei porque meu marido cobriu a quantia negativa.

Disseram para eu procurar um Psicanalista, pois pode ser Comprar Compulsivo, distúrbio, sei lá.

Mas não é a primeira vez que isso acontece e preciso corrigir isso ou vou enlouquecer.

Perdi o respeito que as pessoas tinham por mim e minha autoestima ficou arrasada, visto que escutei coisas que jamais gostaria de escutar.

Estou com vergonha de encarar as pessoas que me ajudaram, pois elas não tinham nenhuma obrigação com isso, pois não ganham dinheiro fácil para ficarem cobrindo os meus rombos financeiros.

Quero corrigir o que fiz e nunca mais deixar acontecer. Recuperar o respeito e a consideração que essas pessoas tinham por mim.

Meu marido ficou arrasado e magoado. Minha sogra falou comigo sem me encarar, com maior indiferença. Eu preferia ter ficado com o nome sujo do que perder a confiança deles. O que faço? Ajude-me!

Resposta:

Parabéns por querer se tratar. O tratamento envolve:

  • Medicação: alguns Antidepressivos Serotoninérgicos diminuem essa compulsão por compras.

  • Psicoterapia: provavelmente existem coisas na tua vida que te deixam infeliz e você desconta nas compras.

  • Orientação familiar: a família vai ter que aprender a não cobrir teus gastos.

 

Pergunta:

Fui a uma psiquiatra com os seguintes problemas: ansiedade e compulsão por compras e alimentar. Ela passou para eu tomar Amato 50 mg e Lamitor.

Tomei por três dias e passei muito mal...

Tontura, enjôo e fiquei desligada.

Parei de tomar e pesquisando na internet vi que os medicamentos são indicados para epilepsia.

Por quê ela receitou esses medicamentos?

Resposta:

O Amato (Topiramato, Topamax, Toptil, Égide, Arasid) é um antiepiléptico, mas também é usado em compulsões.

Às vezes é apenas questão de ajuste de dose, tanto o Lamitor quanto o Topiramato precisa começar com doses bem baixas.

O Lamitor 25 mg e o Amato 25 mg.

Mas não se esqueça que o tratamento de Compras Compulsivas também inclui Psicoterapia.