Todo mundo pode sofre de Ansiedade, mas a minha Ansiedade é imensa

Tratar Ansiedade Generalizada em São Paulo

Pergunta:

Fiz uma cirurgia onde retirei o útero e as trompas. Depois disso comecei a sentir o coração disparado, muito calor, ansiedade ao extremo. Fui o cardiologista fiz exames e não deu nada. Fui a ginecologista me passou hormônio para reposição.

Como nada melhorou, fui ao psiquiatra e hoje tomo: Ovestrion 2 mg (hormônio) 1 por dia, Pristiq 50 mg 2 por dia, Bupropiona 150 mg 2 por dia, Anafranil 25mg 2 por dia, Apraz 1 à noite.  Será que realmente preciso de todos esses remédios?

Os efeitos deles não são iguais? Gasto quase 500,00 mês com remédios sem ter condições financeiras. Peço que me oriente por favor. Desde já agradeço pela atenção e aguardo resposta. Deus abençoe!

Resposta:

Não seria ético eu comentar se você precisa de tantos remédios diferentes, mas o ideal é sempre tratar com um ou dois medicamentos, além de uma eventual Terapia ou Yoga.

Desses medicamentos que você está tomando, o Pristiq e o Anafranil são ótimos para tratar Ansiedade e geralmente eles funcionam sozinhos.

Converse com seu médico, inclusive sobre o custo do tratamento mensal.

 

Pergunta:

Tenho 20 anos e gostaria de falar com o senhor sobre um problema que muito me incomoda. Trata-se de um problema de ansiedade que tenho.

Eu sei que a ansiedade é um estado normal da criatura humana, porém no meu caso as proporções são imensas.

Imagine o senhor que, sem motivo aparente ou por motivos pequenos, meu emocional se descontrola.

Darei um exemplo: uma pessoa que gosto muito diz que vai me encontrar em determinado lugar às 18 horas.

Eu o espero e antes mesmo do horário eu começo e sentir sensações estranhas.

Tenho congestão de garganta, meu peito fica apertado, meus batimentos cardíacos aumentam, começo a suar frio, tenho ânsias de vômito, mesmo sem motivo, mesmo tendo a certeza de que a pessoa estaria no lugar.

E quando há um atraso ou a pessoa não pode estar lá por algum motivo, é pior.

Começo a ter Ataques de Pânico achando que a pessoa não gosta de mim, que nunca mais vou vê-la e fico com essa sensação até que consiga falar com a pessoa, aí os sintomas somem como por encanto.

Mas voltam em outras situações idênticas.

Acredite Doutor, sofro muito com isso, é uma sensação horrível, minha alegria de viver muitas vezes foi prejudicada por causa dessa sensação que não consigo me livrar nem lendo livros, nem fazendo força com o pensamento nada.

Por isso gostaria de lhe perguntar o que é isso, porque eu sinto aqueles sintomas, porque eles vão e vêm, existe remédio para isso, como controlar?

Enfim Doutor se o senhor puder me dar uma luz sobre esse assunto, ficaria muito agradeço, pois sinceramente não agüento mais isso.

Resposta:

Esse quadro provavelmente é o TAG (Transtorno de Ansiedade Generalizada) e o tratamento provavelmente será uma Psicoterapia.