O Diário de Enxaqueca ajuda a identificar os fatores desencadeantes

Diário de Enxaqueca

Você pode ajudar muito no tratamento da Enxaqueca e outras formas de cefaléias ou dores de cabeça. Com o tempo você vai ver que grande parte delas pode ser evitada sem o uso de medicamentos fortes.

Alguém já disse: Enxaqueca não se cura, se trata.

Mas dá para evitar a maioria das Enxaquecas e deixar as crises que vierem mais fracas.

Você deve ter lido que os médicos recomendam que os pacientes façam um "diário de Enxaqueca", mas o que é um Diário de Enxaqueca ?

Com o tempo você aprende quais os fatores desencadeantes da sua Enxaqueca. Também aprende quais os pródromos.

Com isso, você vai tomar a medicação da crise antes da dor começar, assim, mesmo que o mal estar geral da Enxaqueca aconteça, ele será bem mais leve e a dor com certeza muitíssimo mais fraca.

É importante saber que, mesmo tomando remédio preventivo, seja ele natural, fitoterápico ou tradicional, você não vai se livrar de 100% das crises de Enxaqueca, mas dá para diminuir o número e a gravidade delas.

Diário de Enxaqueca  é uma folha de papel onde você vai anotando dados cada vez que você tem uma enxaqueca. Na consulta com o Psiquiatra ou Neurologista, a análise desse diário ajuda muito.

Com o tempo, vamos identificando um padrão para suas dores de cabeça e fica mais fácil vermos o que precisa ser feito para prevenir e para tratar.

Conforme o tratamento for diminuindo a frequência, a duração e a intensidade das crises de enxaqueca, o Diário vai ficando mais útil para identificar os desencadeantes das que sobraram.

Aqui está um modelo de Diário de Enxaqueca. Pode imprimir.

Dia do Mês Dia da Semana Intensidade Começou que horas? Se foi à noite, acordou com ela ou por causa dela? O que veio antes da dor? O que fiz para melhorar? Durou qto tempo? Desencadeante
               
               
               
               
               
               

Intensidade da Enxaqueca:

Leve, Média ou Forte;

 

O que você sentiu antes da dor começar:

Pressão na cabeça, zumbido, irritação, mal humor, disartria, incoordernação motora etc;

O que fiz para melhorar:

Dormi, fiz esteira, saco de gelo na cabeça, comi chocolate, que remédio tomei, que dose, antes ou depois da dor começar, etc.

 

Desencadeantes da Enxaqueca:

Por exemplo fome, dormi demais, dormi pouco, preocupação, stress, aborrecimento, bebida (que tipo), muito Aspartame, mudança de tempo, exercício físico, atividade sexual etc.

Os sintomas mais ou menos se repetem para determinada pessoa. Se alguma crise foi acompanhada de um sintoma muito diferente, anote.

 

Mais artigos sobre Enxaqueca e outras cefaleias

Perguntas e Respostas sobre tratamento de Enxaqueca e Cefaléia ou Dor de Cabeça

Depoimentos de portadores de Enxaqueca e Cefaléia ou Dor de Cabeça